Sistema Nervoso Autônomo

Bárbara Mendes (04);Giuseppe Andrade(13); Mariana Vieira(34)

Sistema nervoso autônomo é a parte do sistema nervoso que está relacionada ao controle da vida vegetativa, ou seja, controla funções como a respiração, circulação do sangue, controle de temperatura e digestão. Também o principal responsável pelo controle automático do corpo frente às modificações do ambiente.

Sistema Nervoso Simpático e Parassimpático

O SNA é dividido em Sistema Nervoso Simpático e Sistema Nervoso Parassimpático, dois conjuntos distintos de nervos que controlam, em geral, os mesmos órgãos de forma antagônica. Como por exemplo, enquanto o Sistema Nervoso Simpático aumenta o ritmo cardíaco o Sistema Nervoso Parassimpático diminui.

Os nervos simpáticos têm ação excitatória sobre tais órgãos, colocando o organismo em estado de prontidão e alerta em situações de estresse. Os nervos parassimpáticos atuam inibindo a atividade destes órgãos, levando o organismo a um estado de relaxamento.

O antagônismo da Adrenalina e Acetilcolina

As sinapses dos neurônios do Sistema Nervoso Simpático contam com a ação da adrenalina como neurotransmissor. Porém, no Sistema Nervoso Parassimpático, os corpos celulares dos neurônios situam-se no encéfalo, na medula espinhal e em gânglios distantes da mesma (próximos aos órgãos inervados). O neurotransmissor atuante em suas sinapses é a acetilcolina.
Enquanto a Acetilcolina é a responsável pelo controle do corpo no dia-a-dia, em situações de tranquilidade, a Adrenalina passa a ser responsável por esse controle em situações de "emergência", como por exemplo estresse.