Gil Vicente

Auto da Barca do Inferno

O "Auto da Barca do Inferno ", de Gil Vicente é um auto de moralidade. Foi representado "per seu mondado ao poderoso príncipe e mui alto rei dom Manuel".


Começa com apresentação do argumento da obra: quando morremos, chegamos subitamente a um rio que havemos de passar numa das barcas que se encontram no cais. Uma das barcas vai para o paraíso e outra para o inferno ; cada batel tem o seu mestre da embarcação na proa: o do paraíso um Anjo, e o do Inferno o Diabo e um companheiro.


O "Auto da Barca do Inferno" é uma alegoria do "juízo final", no qual as almas são julgadas -pelo diabo e pelo anjo,de acordo com as noções de Bem e de Mal - e, depois, sentenciadas ao inferno ou o paraíso.

Big image
"Auto da Barca do Inferno" por Cultural Kids