Basquetebol

Educação Física

Introdução ao Basquetebol

O Basquete veio dos Estados Unidos, por tentativa de criar um jogo menos violento e mais pacífico. Por conta dos invernos rigorosos tornarem praticamente impossíveis a prática de esportes ao ar livre, um professor canadense recebeu a missão de criar um jogo que pudesse ser praticado em áreas fechadas, como ginásios, mas também em áreas abertas no verão.
Muitos professores de educação física se reuniram para criar essa nova modalidade. Chegaram à conclusão que a bola deveria ser um pouco maior para que pudesse ser quicada e não chutada, e o jogo deveria ser jogado com as mãos para que não continuasse a existir violência durante a atividade.

Tecnologia

O uso da tecnologia é muitas vezes associado ao sedentarismo, mas também pode auxiliar no aprimoramento das técnicas usadas pelos atletas de alto rendimento. Nos últimos meses encontramos pela internet vários lançamentos dessas tecnologias no futebol, basquete, natação e esgrima. Essas técnicas permitem que até a apuração de resultados seja bem mais precisa do que se feitas somente com a experiência dos juízes, na esgrima, por exemplo, a criação de coletes que detectam quando o atleta é realmente atingido ajuda o juiz na sua decisão final. No basquete aparelhos integrados a bola ajudam os jogadores a melhorar as jogadas, o sistema é conectado via wireless a um computador e mostra no que o jogador precisa melhorar (angulação, mira, força e etc). Além disso, cada vez mais os uniformes estão ficando mais leves, a anatomia das bolas mudam e tudo isso para proporcionar aos atletas o melhor desempenho possível.

Grupo: Lorena - 30, Bernardo - 07, Ana Luiza Tayar - 03, Ana Carolina - 01, Giovana - 21, Artur Santana - 06, Larissa - 29.