DSTs

Doenças Sexualmente Transmissíveis

O que são as DSTs?

As Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST) são doenças causadas por vários tipos de agentes. São transmitidas, principalmente, por contato sexual sem o uso de camisinha, com uma pessoa que esteja infectada e, geralmente, se manifestam por meio de feridas, corrimentos, bolhas ou verrugas. O contágio também pode ocorrer de mãe para filho, durante a gravidez ou parto, através do compartilhamento de seringas ou devido a uma transfusão de sangue infectado.

Doenças Sexualmente Transmissíveis Hoje em Dia

Hoje em dia, a Organização Mundial de Saúde estima que ocorram 340 milhões de casos de DSTs por ano no mundo, e a prevenção dessas doenças não são difíceis. As doenças que mais atingem as pessoas hoje em dia, são as:

* Aids

* HPV

* Gonorréia

* Sífilis

* Herpes Genital

Os principais agentes que causam as DSTs são os vírus, as bactérias e os fungos.

Doenças Sexualmente Transmissíveis nos Anos 80

Nos anos 80 surgiu a Aids, estritamente ligada ao uso de drogas ilícitas injetáveis e à promiscuidade sexual. Nessa época observou-se um aumento dramático dos casos de sífilis e gonorréia, muitos dos quais têm ocorrido na população adolescente e de adultos jovens.

Prevenção das DSTs

As principais estratégias de prevenção são: a promoção do uso de preservativos, o uso de agulhas e seringas esterilizadas ou descartáveis, o controle do sangue e derivados, a adoção de cuidados na exposição ocupacional a material biológico e o manejo adequado das outras DST. Os preservativos masculinos e femininos são a única barreira comprovadamente efetiva.