Superbactérias

Autores: João Vitor, Rogério, Fábio Vianna e Carlos

O que são? Como surgiram?

As superbactérias são bactérias altamente resistentes aos antibióticos mais tradicionais. Estas possuem o caráter de gerar doenças graves. Surgem em função do uso incorreto e indiscriminado dos antibióticos sem a prescrição médica.No meio de cultura há bactérias com diferentes composições, ou seja, com código genético diferentes (isso se deu devido ás mutaçoes gênicas), o uso errôneo dos medicamentos promove uma seleção natural do meio de cultura bacteriano, isto é, àquelas bactérias que estão mais aptas (possuem as melhores mutações naquela ocasião) à resistirem ao remédio em suma sobrevivem e se reproduzem.


Estudos contra superbacteria KPC

Uma das superbactérias mais resistentes a antibióticos, a KPC (Klebsiella pneumoniae carbapenemase) pode ter ganhado um adversário letal. Estudos realizados com uma espécie de coral rara que é somente encontrado no litoral brasileiro, o coral orelha-de-elefante (Phyllogorgia dilatata). Causadora de infecção pulmonar, a KPC matou ao menos 106 pessoas no país em 2010 e 2011, segundo o último levantamento do Ministério da Saúde. Responsáveis pelo estudo, os pesquisadores da pós-graduação de Ciências Genômicas e Biotecnologia da UCB (Universidade Católica de Brasília) e do Projeto Coral Vivo (ligado ao programa Petrobras Ambiental) selecionaram seis espécies de corais para testes...

BRITO, Diana. Rio de Janeiro (04/11/2013) "Substância de coral destrói superbactéria hospitalar em testes" Disponivel em: >http://www1.folha.uol.com.br/ciencia/2013/11/1366398-substancia-de-coral-destroi-superbacteria-hospitalar-em-testes.shtml< acesso dia: 16/11/2013



Principais locais de contágio.

Devido a diversos fatores favoráveis para o desenvolvimento de superbactérias, os hospitais são os locais mais propícios para a infecção por estas. A imunidade dos pacientes está baixa, uma vez que estão doentes, bem como há muitos casos de má higienização, antes, durante e após os processos cirúgicos. É importante ressaltar que o contágio se dá por meio do contato físico com as secreções do paciente infectado.

Perigos, tratamento e dicas

As superbactérias podem levar à pessoa infectada ao óbito. Estas por sua vez podem ser tratadas mediante o auxílio de antibióticos muito fortes. No entanto é importante ressaltar que esses remédios podem causar efeitos colaterais danosos. Assim, é indicado a prevenção da infecção por superbactérias, por meio da higienização e desifecção adequada, bem como a utilização de medicamentos apenas com prescrição médica