Basketball

Juliana,Luciana,Aila,Eduardo,Rodrigo,Leonardo - 2G

Big image

História do Basquete

O basquetebol foi criado no ano de 1891, nos Estados Unidos, e seu criador for James Naismith. Nos primeiros anos, o basquete ainda não havia uma bola específica, as partidas eram realizadas com uma bola de futebol. Porém, no ano de 1894, Chicope Falls, empresa de Massachusetts, desenvolveu a primeira bola de basquete.Temos alguns jogadores conhecidos popularmente da nossa história, como o Nenê, Anderson Varejão e a Hortência Maria de Fátima Marcari Oliva . Ser um jogador de basquete profissional exige muita disposição e força física. O objetivo do jogo é colocar a bola no cesto da equipe adversária, marcando pontos, e evitar que a bola seja introduzida no cesto do seu time, respeitando as regras do jogo. No final, a equipe que tiver mais pontos vence. Em uma competição, o time é feito com 5 jogadores na quadra e cinco jogadores sentados, que são aqueles que substituem os que estão na quadra durante o período do jogo.O basquetebol foi criado no ano de 1891, nos Estados Unidos, e seu criador for James Naismith. Nos primeiros anos, o basquete ainda não havia uma bola específica, as partidas eram realizadas com uma bola de futebol. Porém, no ano de 1894, Chicope Falls, empresa de Massachusetts, desenvolveu a primeira bola de basquete.Temos alguns jogadores conhecidos popularmente da nossa história, como o Nenê, Anderson Varejão e a Hortência Maria de Fátima Marcari Oliva . Ser um jogador de basquete profissional exige muita disposição e força física. O objetivo do jogo é colocar a bola no cesto da equipe adversária, marcando pontos, e evitar que a bola seja introduzida no cesto do seu time, respeitando as regras do jogo. No final, a equipe que tiver mais pontos vence. Em uma competição, o time é feito com 5 jogadores na quadra e cinco jogadores sentados, que são aqueles que substituem os que estão na quadra durante o período do jogo.

Tecnologia do Esporte


Só se tem o aumento do desempenho quando se repete muito, reduzindo assim o erro no lance livre. É importante que o jogador mantenha o peso do corpo na perna da frente, concentre-se e bloqueie a respiração antes do arremesso. é um avanço considerável para a equipe. (as equipes do futebol e handebol feminino, assim como o basquete sobre rodas da delegação britânica). No basquete, há inumeras tecnologias que auxiliam o atleta a melhorar seu desempenho, como o apoio tecnológico, tanto na área médica quanto na ciência do esporte. Na área medica onde um robô conecta profissionais que estão em um determinado lugar com colegas em qualquer parte do mundo por meio de uma videoconferência onde atletas de alto rendimento terão que dividir espaço com outros atletas do mundo a fora. E na ciência do esporte onde os tênis, a camisa, o shorts e a quadra tem como objetivo zelar a segurança do atleta. Na quadra percebemos que o solo é de madeira para aumentar o atrito e impedir que o indivíduo escorregue perdendo a posse da bola e ainda podendo gerar lesões. Na questão das camisas e dos shorts, estes são largos no jogador para que ele possa realizar bem os movimentos sem que as roupas o atrapalhem. Os tênis tem o ''cano alto'' para que o jogador não torça os pés, uma vez que o basquete é um esporte que se pula muito, intensificando o risco de lesões. Outro benefício do tênis é seu solado que ajuda o atleta juntamente com o solo da quadra a não escorregar, ou seja, o tênis também gera atrito.

Objetivo do trabalho:

Melhorar o rendimento do atleta no basquetebol.

Análise do lançamento 1

Ao observarmos a posição do atleta, notamos que a inclinação do atleta está de forma errada, pois o dobramento dos joelhos deveria ser diferente. O modo que ele segura a bola, está em parte correta, mas o impulso da mão teria que ser mais a frente do exibido. Ele não ultrapassa a linha, portando o lançamento seria considerado.O arremessador não deu impulso.
VID20130415-WA0007
Big image
Big image

Como jogar?

A marcação de pontos do basquetebol se difere dos outros esportes: no futebol, no handebol e no voleibol, qualquer marcação soma um ponto à equipe. Não é assim no basquete: arremessos feitos em situação de lances-livre valem um ponto; cestas em condições normais de jogo somam dois pontos; e, quando o arremesso é executado antes da linha situada a 6,2m da cesta, o time ganha três pontos (por isso, essa linha também é conhecida como linha dos três).

Como já foi dito, o jogador só pode andar com a bola, quicando-a (batendo-a no chão). Por isso, considera-se falta quando: a) o jogador der mais de dois passos sem bater a bola; b) segurá-la por mais de cinco segundos sem arremessá-la, seja para a cesta ou para outro jogador de sua equipe; c) ficar mais de três segundos dentro do garrafão ou tocar no braço e na mão de quem estiver com a bola.

Para finalizar, serão elencados a seguir os fundamentos do basquetebol:

- Jump: é um tipo de arremesso feito a partir de um salto. Isso ocorre para dificultar que o marcador impeça o lance;

- Bandeja: esse arremesso é executado correndo em direção à cesta;

- Rebotes: quando se erra um arremesso, há a oportunidade de reaver a bola para sua equipe: isso é chamado de rebote;

- Fintas: são os movimentos que os jogadores fazem com a bola, cujo objetivo é o de enganar o adversário.

Análise do lançamento 2

A atleta ultrapassa um pouco a linha permitida. Não obedece os comandos dos posicionamentos flexionados dos joelhos e dos anti-braços. Portanto, de 10 lançamentos, ela conseguiu alcançar uma meta de somente 3. Quem sabe se ela desse mais impulso e mantesse os braços posicionados mais para frente, ela poderia ter acertado mais lances.
VID20130425-WA0006

Conclusão

Ao analisarmos os video dos arremessos da atleta, o grupo percebeu que, de 10 lances livres ela acertou 3. A explicação para os 7 lances errados é a falta de prática, o mau posicionamento e postura da atleta, e a forma como o arremesso foi lançado. Percebemos também que uma das maiores dificuldades foi a força e a altura, pois em comparação aos homens, as mulheres não são tão fortes quanto eles e a maioria das vezes acabam não tendo a altura "necessária" para que possa praticar tal esporte. Agora ao analisarmos o alteta Rodrigo, ele acertou 3 de 10. Os arremessos errados podem justificar a altura do atleta e como ele se posicionou. O movimento dos braços ao arremeçar a bola também conta. Em geral, podemos perceber que o que faz o acerto nos arremeços é o posicionamento dos braços e o flexionamento do joelho.