Derramamento do Petróleo

Impactos, efeitos e composição

Importancia do petróleo

O derramamento do petróleo é um tipo de poluição ambiental muito difícil de ser contido por diversos fatores. É um tipo de combustível fóssil de origem animal e vegetal formado geologicamente há milhões de anos. O derramamento do petróleo acontece em razão de falhas estruturais dos equipamentos, falhas humanas na execução e também pela pressão exercida no fundo do oceano que pode causar fissuras ou falhas no assoalho escapando gás ou óleo. Em um desastre ambiental desse tipo são lançados no mar em quantidades enormes do produto formando manchas que são espalhadas pelas correntes marítimas e correntes de ar.


O petróleo prejudica animais marítimos e aves pois com seu derramamento cria-se uma superfície de petróleo em cima da água ( pois o petróleo é menos denso que a água ), com isso ele afeta indiretamente os peixes pois essa superfície bloqueia a incidência solar e isso faz com que as algas não consigam fazer fotossíntese, logo a respiração fica difícil e acaba matando muitos peixes. Já as aves são afetadas pois o petróleo ,que é pesado, gruda em suas asas e a ave afunda .


Da gasolina ao nylon, incluindo gêneros alimentícios como o chiclete por exemplo, são inúmeros os produtos derivados do petróleo. Tudo isso é possível graças ao processo de refino pelo qual o óleo bruto passa. Para entender como isso funciona, é preciso, antes de mais nada, conhecer a estrutura física do petróleo, que é formado por diferentes tipos de hidrocarbonetos, moléculas compostas por átomos de carbono e hidrogênio. Para separar esses compostos, é necessário refinar o petróleo por um processo chamado destilação atmosférica. Conforme o petróleo é aquecido, as moléculas mais leves evaporam, sendo posteriormente condensadas. Cada ponto de ebulição gera um produto diferente. O gás liquefeito de petróleo (GLP), por exemplo, é um dos primeiros produtos a serem extraídos no processo, incluindo o butano e o propano, obtidos com diferentes pontos de ebulição. Aumentando a temperatura, outros compostos, como a nafta e a gasolina, vão surgindo.